13 Melhores Filmes de Horror: medo, sustos e terror para apavorar no Halloween | Fantástica Cultural

Artigo 13 Melhores Filmes de Horror: medo, sustos e terror para apavorar no Halloween
C I N E M ACinema & TV

13 Melhores Filmes de Horror: medo, sustos e terror para apavorar no Halloween

Redação ⋅ 5 out. 2023
Compartilhar pelo FacebookCompartilhar por WhatsAppCitar este artigo

Uma seleção macabra do cinema de terror, dos mais populares aos clássicos inesquecíveis.

Sem delongas introdutórias, porque os zumbis já estão arrombando as portas, vamos à nossa lista especial de Halloween: 13 filmes de horror, dentre eles clássicos que continuam apavorando geração após geração, e novidades do cinema que têm ganhado atenção e fãs nos últimos tempos. Temos fantasmas, demônios, vampiros, psicopatas, bruxas, monstros, zumbis, paranoicos ensandecidos, maldições seculares, exorcismos... O que mais alguém pode querer?


starry eyes 2014 filmes de horror terror halloween#1

Starry Eyes
Starry Eyes

O preço de entrar para Hollywood: sua alma

starry eyes 2014 filmes de horror terror halloweenstarry eyes 2014 filmes de horror terror halloween

Starry Eyes é uma experiência cinematográfica angustiante, uma provação, da mesma forma que a jornada de seu protagonista é uma grande transformação. No início, você acha que tem uma ideia clara do que o filme está tentando transmitir; você percebe a amargura e o cinismo de "Hollywood contra Hollywood", uma crítica à fama e à mesquinhez da indústria cinematográfica. De repente, porém, a narrativa subverte a si mesma e se autodestrói.

Sarah é uma figura trágica, e esta é uma "tragédia de terror", se é que tal coisa existe, agravada pelo fato de que ela traz tudo para si mesma, alimentada por uma inadequação profunda e uma esmagadora falta de identidade. Sua ambição a transforma em um monstro porque ela não tem mais nada: sua vida é tão desprovida de sentido que fazer o impensável não apresenta nenhuma desvantagem. Sua história, então, é a de uma autodestruição horrível que leva ao abandono de si mesma e a uma orgia de violência verdadeiramente grotesca, mas não há alegria ou excitação em nenhuma das maneiras como é retratada.

Ninguém descreveria Starry Eyes como um filme de final feliz e ninguém vai rir das mortes que ocorrem nele. Não é um filme a ser exibido em uma festa — você fica pensando nele no meio da noite, enquanto se identifica com seus horrores.

— Jim Vorel

Título: Starry Eyes
Título original: Starry Eyes
Diretor: Kevin Kölsch e Dennis Widmyer
Ano: 2014
País: Estados Unidos

the babadook 2014 filmes de horror terror halloween#2

O Babadook
The Babadook

Uma leitura inapropriada para crianças e adultos

the babadook 2014 filmes de horror terror halloweenthe babadook 2014 filmes de horror terror halloween

Classificar o filme de estreia de Jennifer Kent, O Babadook, é complicado. Aparentemente, este é um filme de terror — coisas estranhas acontecem em uma escala crescente, então qualificar a história de Kent (sobre o relacionamento turbulento de uma mãe solteira com seu filho) com o rótulo de horror parece perfeitamente lógico. Mas O Babadook é tão complexo, tão complexo e tão dramático que categorizá-lo com um só rótulo parece redutor ao ponto do insulto. Há uma grande diferença entre o que Kent criou neste filme e o que a maioria de nós considera como horror.

Você passará a primeira semana após a experiência dormindo com as luzes acesas. Você também sairá enriquecido e provocado. A atriz australiana que virou cineasta, Kent, fez um filme sobre a infância, sobre a idade adulta e sobre os medos persistentes que nos perseguem de um período para o outro. Há um monstro no armário — e debaixo da cama, no armário e no porão — mas as preocupações humanas do filme são de natureza emocional. E o mal efêmero que se esconde nos lugares sombrios dos corações de seus personagens só tornam as coisas piores; passar por um trauma pessoal é uma tarefa árdua, ainda mais quando você está sendo perseguido pelo bicho-papão.

— Andy Crump

Título: O Babadook
Título original: The Babadook
Diretor: Jennifer Kent
Ano: 2014
País: Austrália

the witch 2016 a bruxa filmes de horror terror halloween#3

A Bruxa
The VVitch: A New-England Folktale

A floresta abandonada por Deus

the witch 2016 a bruxa filmes de horror terror halloweenthe witch 2016 a bruxa filmes de horror terror halloween

Desde os primeiros momentos, A Bruxa nos prende em uma terra hostil. Observamos (porque isso é tudo o que podemos fazer, impotentes) enquanto o patriarca puritano William discute obstinadamente com um pequeno conselho, causando assim o banimento de sua família de sua comunidade. É um tiro no escuro, respirando pavor: a carroça avança continuamente para o deserto, alcançando a fronteira deste Novo Mundo junto à fronteira literal de uma floresta inexplorada.

Estamos em 1620 e William afirma: "Conquistaremos esta região selvagem". "New England Folk Tale" é um filme de terror repleto do fascínio do desconhecido. Dizer que é uma reminiscência dos Julgamentos das Bruxas de Salem, que aconteceram 70 anos após os eventos do filme, seria um eufemismo — as consequências inevitáveis de tal paranoia histórica pairam fortemente em A Bruxa.

Tudo isso o diretor enquadra com talento para criar tensão em cada cena, raramente contando com sustos ou sangue. O efeito, então, é o de um sonho febril crescente, no qual forças primitivas — luxúria, desafio, fome, ganância — fervilham nos limites da experiência, combatidas, mas nunca totalmente vencidas. Mas o que é mais convincente é o peso da espiritualidade puritana que cobre todos os momentos do filme, um peso contra o qual cada personagem luta para ser, simplesmente, uma pessoa normal. Não há alegria na sua adoração, só há seriedade: orações, jejum, penitência e medo. E é esse medo que impulsiona o horror do filme, que eventualmente faz até nós, espectadores, acreditarmos que, nas periferias da civilização, na fronteira do desconhecido, Deus certamente abandonou essas pessoas.

— Dom Sinacola

Título: A Bruxa
Título original: The VVitch: A New-England Folktale
Diretor: Robert Eggers
Ano: 2016
País: Estados Unidos, Canadá

rosemarys baby 1968 o bebe de rosemary filmes de horror terror halloween#4

O Bebê de Rosemary
Rosemary's Baby

Quando a maternidade se transforma em pesadelo

rosemarys baby 1968 o bebe de rosemary filmes de horror terror halloweenrosemarys baby 1968 o bebe de rosemary filmes de horror terror halloween

Desejando começar uma família, a jovem e idealista Rosemary e seu marido Guy mudam-se para um prédio icônico da cidade de Manhattan, o Bramford, lugar repleto de histórias desagradáveis sobre moradores obscuros e ocorrências horríveis. E em pouco tempo, os excêntricos vizinhos Roman e Minnie fazem amizade com o jovem casal; pouco depois, Rosemary engravida. No entanto, à medida que a mãe inexperiente se torna sistematicamente isolada do seu círculo de amigos, começam a surgir indícios alarmantes de uma conspiração sinistra e bem planejada, envolvendo a tímida Rosemary numa teia de suspeitas e agonia psicológica.

O Bebê de Rosemary é um dos melhores thrillers de todos os tempos. Dado o tema principal, você pode imaginar como este filme deve ter chegado aos espectadores em 1968. A força do filme é seu roteiro, que através de sua trama e diálogo, implica e sugere os horrores que somente ao final serão revelados, no momento em que Rosemary descobre a verdade.

— Lechuguilla, Nick Riganas

Título: O Bebê de Rosemary
Título original: Rosemary's Baby
Diretor: Roman Polanski
Ano: 1968
País: Estados Unidos

the descent 2005 abismo do medo filmes de horror terror halloween#5

Abismo do Medo
The Descent

Expedição feminina enfrenta um perigo abissal

the descent 2005 abismo do medo filmes de horror terror halloweenthe descent 2005 abismo do medo filmes de horror terror halloween

A verdadeira camaradagem e as relações complexas entre personagens femininas não são tão raras no cinema de terror, mas são funcionalmente inexistentes, o que é uma das coisas que ainda faz Abismo do Medo, um filme sobre um grupo de mulheres lutando contra perigos inimagináveis em uma caverna, se destacar. A primeira metade do filme é deliberadamente elaborada para apresentar as personalidades das mulheres, enquanto aumenta lenta e quase imperceptivelmente a sensação de pavor e mau pressentimento. À medida que as mulheres descem mais fundo na caverna, as passagens ficam mais estreitas e o próprio público pode sentir a claustrofobia e a umidade invadindo seus ossos — e isso antes mesmo de vermos qualquer um dos trogloditas residentes.

O roteiro de Neill Marshall faz uso magistral da moralidade duvidosa, infundindo em seus protagonistas, principalmente a dupla Sarah e Juno, uma área cinzenta entre o certo e o errado. Não satisfeito em simplesmente pintar uma das duas como maldosa e a outra como inteligente e, em última análise, moralmente correta, ele usa uma série de mal-entendidos para ilustrar a falha humana num nível muito mais profundo e universal. No final das contas, Abismo do Medo é um estudo de personagem tão comovente quanto uma aterrorizante criatura subterrânea, com um final incrível para coroar.

— Jim Vorel

Título: Abismo do Medo
Título original: The Descent
Diretor: Neil Marshall
Ano: 2005
País: Reino Unido

the invitation 2015 o convite filmes de horror halloween#6

O Convite
The Invitation

Era melhor ter ficado em casa

the invitation 2015 filmes de horror halloween o convitethe invitation 2015 filmes de horror halloween o convite

Quanto menos você souber sobre O Convite, melhor. Esta dica é verdadeira para qualquer filme de suspense crescente, mas Karyn Kusama usa a fórmula até a perfeição. Neste caso, a história envolve uma dor profunda e íntima, do tipo que nenhum de nós espera ter de suportar em nossas próprias vidas. O filme explora uma veia de pesadelo e pavor da vida real, de uma perda tão profunda e generalizada que muda fundamentalmente quem você é como ser humano.

É aí que começamos: com um exame do luto. O filme começa de fato quando Will chega a um jantar que sua ex-mulher, Eden, está oferecendo no que antes era a casa deles. Ele trouxe sua namorada, Kira, junto com ele. Mas algo está inegavelmente errado na casa de Eden, e como Will é a lente através da qual o público de Kusama se envolve com o filme, não podemos dizer o que é esse algo.

Há muito mais a ser dito sobre O Convite, especialmente sobre seu clímax, onde tudo é revelado e vemos os medos de Will e as afirmações espirituais de Éden como realmente são. Até então você permanecerá em suspense, mas para Kusama, nervosismo e tensão são sensações que vale a pena saborear. Onde terminamos?

— Andy Crump

Título: O Convite
Título original: The Invitation
Diretor: Karyn Kusama
Ano: 2015
País: Estados Unidos

society sociedade dos amigos do diabo 1989 filmes de horror halloween#7

A Sociedade dos Amigos do Diabo
Society

As elites que controlam o mundo não são reptilianos. É pior!

society 1989 sociedade dos amigos do diabo filmes de horror terror halloweensociety 1989 sociedade dos amigos do diabo filmes de horror terror halloween

A Sociedade dos Amigos do Diabo é um filme estranho em todos os níveis, uma descida febril ao que pode ou não ser paranoia quando um garoto popular no ensino médio começa a questionar se sua família (e, na verdade, toda a cidade) está envolvida em algum negócio sinistro, sexual e extremamente nojento. O enredo fica em segundo plano em relação à comédia de humor negro e a uma sensação assustadora de que estamos chegando a uma conclusão reveladora, o que absolutamente não decepciona.

O trabalho de efeitos especiais, basta dizer, produz alguns dos visuais mais malucos da história do cinema — há cenas nojentas aqui que você não verá em nenhum outro lugar, exceto talvez um dos primeiros filmes de Peter Jackson. Mas as ambições de A Sociedade são consideravelmente maiores — o filme aborda a tendência de comunidades insulares, segregadas, de atacar o mundo exterior, em uma sátira social da mais alta (e mais grosseira) ordem.

— Jim Vorel

Título: A Sociedade dos Amigos do Diabo
Título original: Society
Diretor: Brian Yuzna
Ano: 1989
País: Estados Unidos

psycho 1960 psicose filmes de horror terror halloween#8

Psicose
Psycho

Uma estranha história de amor entre mãe e filho

psycho 1960 psicose filmes de horror terror halloweenpsycho 1960 psicose filmes de horror terror halloween

Este é um raro exemplo de um filme muito alardeado que realmente merece todo o entusiasmo que o rodeia. Teria sido melhor ter experimentado o filme sem qualquer conhecimento das reviravoltas na trama. Infelizmente, para a maioria dos telespectadores, as grandes surpresas não são possíveis, uma vez que muitas das cenas fazem parte da nossa cultura popular. Houve, no entanto, muitas surpresas inesperadas.

Hitchcock e Janet Leigh fizeram um trabalho brilhante ao nos atrair, de início, para a história de Marion Crane, uma mulher apaixonada por um homem divorciado. Marion é aparentemente a protagonista do filme, pois ela pensa que encontrou uma solução para seus problemas financeiros — uma solução criminosa. Em seguida, porém, o foco é habilmente mudado para o personagem de Norman Bates, como o "protagonista" vitimado por sua mãe louca. Ou assim parece, antes que a verdade venha à tona.

— AlsExGal

Título: Psicose
Título original: Psycho
Diretor: Alfred Hitchcock
Ano: 1960
País: Estados Unidos

day of the dead 1985 dia dos mortos filmes de horror terror halloween#9

Dia dos Mortos
Day of the Dead

Você até que é bastante inteligente, para um cadáver

day of the dead 1985 dia dos mortos filmes de horror terror halloweenday of the dead 1985 dia dos mortos filmes de horror terror halloween

Embora Madrugada dos Mortos provavelmente sempre terá mais estima e seja mais significante culturalmente, Dia dos Mortos é meu favorito entre os filmes de zumbis de George Romero, e acho que ele nunca recebe o respeito que merece. É uma espécie de ponto ideal para o diretor — orçamento maior, ideias mais ambiciosas e Tom Savini no auge de seus poderes como artista de efeitos especiais práticos. Os personagens humanos desta vez são cientistas e militares que vivem em um bunker subterrâneo, o que pela primeira vez na série nos dá uma visão mais ampla do que vem acontecendo desde que os mortos ressuscitaram.

Este filme reintroduz a ciência nos filmes de zumbis, finalmente transformando um dos personagens principais em um cientista (Matthew "Frankenstein" Logan) que teve algum tempo para estudar os zumbis na relativa segurança de um laboratório. Como tal, o filme redefine os atributos do clássico zumbi — eles são burros, mas não totalmente ignorantes, e alguns deles podem até ser treinados para usar ferramentas e possivelmente lembrar certos aspectos de suas vidas anteriores.

Isso nos leva a Bub, talvez o zumbi mais icônico da obra de Romero, que exibe um nível único de personalidade e até humor. No final das contas, Dia dos Mortos toma um monstro que o público pensava que conhecia muito bem e sugere que talvez eles estivessem apenas arranhando a superfície do potencial deste subgênero do cinema.

— Jim Vorel

Título: Dia dos Mortos
Título original: Day of the Dead
Diretor: George A. Romero
Ano: 1985
País: Estados Unidos

hereditary 2018 hereditario filmes de horror terror halloween#10

Hereditário
Hereditary

Cuidado para não perder a cabeça

hereditary 2018 hereditario filmes de horror terror halloweenhereditary 2018 hereditario filmes de horror terror halloween

Este filme de estreia do diretor Ari Aster começa em miniatura. Mais tarde, ficamos sabendo do ofício em que Annie, a matriarca da família do filme, trabalha: desenhando maquetes do tamanho de casas de boneca, representando os muitos traumas domésticos que ela experimentou, para expor em galeria de arte.

A intenção de Aster, como é o caso durante todo o filme, é ao mesmo tempo contundente e oblíqua: mundos existem dentro de mundos, sombras dentro daquilo que os projeta, ou vice-versa, a realidade é representada como os anéis de uma árvore ou as espirais de DNA contendo segredos incalculáveis dentro do núcleos de quem somos. A ameaça se aproxima — e a ameaça logo se desenrola, tragédias após tragédias. A família Graham se desfaz ao longo de Hereditário, história que atinge seu potencial testando os laços que unem as famílias, sacudindo suas forças conforme cada membro da família deve enfrentar, chutando e gritando, e revelando o quão superficiais essas amarras podem ser. Na ausência de uma razão para tudo isso acontecer, há a inevitabilidade; na ausência de resolução, há apenas aceitação.

— Dom Sinacola

Título: Hereditário
Título original: Hereditary
Diretor: Ari Aster
Ano: 2018
País: Estados Unidos

the cabin in the woods 2011 o segredo da cabana filmes de horror terror halloween#11

O Segredo da Cabana
The Cabin in the Woods

Acredite, não é o que você está pensando

the cabin in the woods 2011 o segredo da cabana filmes de horror terror halloweenthe cabin in the woods 2011 o segredo da cabana filmes de horror terror halloween

Os roteiristas deste filme afirmaram não gostar da forma como o gênero de terror tem evoluído. São cheios de personagens irrealistas, e não nos importamos se eles vivem ou morrem. O Segredo da Cabana parece um filme de terror genérico com uma premissa genérica e personagens de terror genéricos. Quando você o assiste com maior atenção, porém, descobre um intrigante filme de terror satírico de alto conceito. Pode parecer absurdo, mas na verdade é brilhante e inteligente. Tem sustos exagerados e algumas boas risadas. O Segredo da Cabana é um filme de terror divertido com uma reviravolta improvável.

Os filmes de terror perderam o suspense porque não nos importamos com os personagens, e porque os personagens são particularmente burros para tomar decisões para sobreviver. Faz sentido neste filme. Os atores fizeram um ótimo retrato desses personagens-clichês.

Há momentos ridiculamente hilariantes que aliviam a severidade. A emoção e o suspense estão sempre presentes. A princípio, você pensará que se trata apenas de mais um filme de terror, mas ao transitar pelo resto do filme, você perceberá que esta será uma experiência marcante. Tenho que concordar com um dos críticos: "Quanto menos você souber sobre O Segredo da Cabana, melhor". É exagerado, hilário e divertido.

— billygoat1071

Título: O Segredo da Cabana
Título original: The Cabin in the Woods
Diretor: Drew Goddard
Ano: 2011
País: Estados Unidos, Canadá

the exorcist 1973 exorcista filmes de horror terror halloween#12

O Exorcista
The Exorcist

O demônio anda tinhoso como o capeta

the exorcist 1973 exorcista filmes de horror terror halloweenthe exorcist 1973 exorcista filmes de horror terror halloween

É difícil pensar em um filme mais perturbador, mais influente ou simplesmente mais assustador do que O Exorcista. O filme irradia uma aura de pavor — parece um tanto tenebroso, mesmo antes de todas as cenas de possessão começarem. Cenas como a do "rosto do demônio" piscam na tela por um oitavo de segundo, desorientando o espectador e dando a sensação de que você nunca, jamais, poderá baixar a guarda. Ele se infiltra sob sua pele e permanece lá para sempre.

O filme constantemente desgasta qualquer senso de esperança que tanto o público quanto os personagens possam ter, fazendo você sentir como se não houvesse nenhuma maneira de esse padre, não particularmente forte em sua própria fé, ser capaz de salvar a garotinha possuída. Mesmo sua eventual "vitória" é algo muito vazio, como mais tarde foi explorado pelo autor William Peter Blatty em O Exorcista III. Assistir é uma provação, mesmo depois de já ter visto várias vezes antes. O Exorcista é um ótimo filme sob qualquer forma de avaliação.

— Jim Vorel

Título: O Exorcista
Título original: The Exorcist
Diretor: William Friedkin
Ano: 1973
País: Estados Unidos

the shining 1980 o iluminado filmes de horror terror halloween#13

O Iluminado
The Shining

Cinema de horror absolutamente inesquecível

the shining 1980 o iluminado filmes de horror terror halloweenthe shining 1980 o iluminado filmes de horror terror halloween the shining 1980 o iluminado filmes de horror terror halloween

Stephen King odeia a adaptação de Kubrick de seu romance O Iluminado, em 1980, algo que é difícil de entender até que você realmente leia o livro original de King. Ao conhecer o original, as coisas se tornam muito mais claras. Kubrick, sempre o gênio louco, rejeitou amplamente o núcleo emocional da história de King porque viu na história de O Iluminado uma oportunidade para uma viagem ao coração do terror de inspiração visual e sonora que poucos filmes chegaram perto de replicar.

Ao contrário do romance de King, o personagem Jack nunca é tratado com qualquer tipo de simpatia ou emoção aos olhos do público — ele é um canalha desde o primeiro momento em que o conhecemos durante sua entrevista de emprego, e ele só piora a partir daí, com a ameaça implícita de sua violência física contra Danny e Wendy pairando sobre cada cena como a espada de Dâmocles. Sua loucura é aludida com maestria por meio de algumas das mais icônicas edições visuais e especialmente sonoras da história do cinema — poucos filmes de terror, ou qualquer filme em geral, já usaram o som de forma tão enervante quanto O Iluminado.

Este filme, como O Exorcista, penetra em seus ossos, infectando todas as perspectivas que você tem sobre o gênero de terror pelo resto da vida. É um filme monumental.

— Jim Vorel

Título: O Iluminado
Título original: The Shining
Diretor: Stanley Kubrick
Ano: 1980
País: Estados Unidos, Reino Unido



Revisão de Texto Já!


SÉRIE NUM FUTURO PRÓXIMO

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

NUNCA PERCA UM POST







Merlin Capista de Livros Capas Promocionais - Merlin Capista de Livros Sobre Merlin - Capista de Livros Como Publicar seu Livro ou E-Book - Merlin Capista Criação de Capas de Livro - Merlin Capista Diagramação de Livro - Merlin Capista Portfólio de Capas de Livro - Merlin Capista Portfólio de Ilustrações e Design - Merlin Capista Orçamento - Merlin Capista de Livros Contato - Merlin capista de Livros Revisão de Texto Já! Quem Somos | Revisão de Texto Serviços de Revisão de Texto Como Funciona a Revisão | Revisão de Texto Contato | Revisão de Texto Orçamento | Revisão de Texto Portfólio | Revisão de Texto Tradução | Revisão de Texto Revisão de Texto Revisão de Livro | Revisão de Texto Formatação ABNT e APA, Formatação Acadêmica | Revisão de Texto Formatação de Citações ABNT | Revisão de Texto